Blog da ABDeC / RN

PB: R$ 170 mil em editais

A Universidade Estadual da Paraíba promoverá nesta quarta-feira (01), às 9h30, no Auditório da Biblioteca Central, localizado em Bodocongó,em Campina Grande, uma coletiva de imprensa em que será lançado o Edital de Fomento e Incentivo ao Audiovisual para a realização de curtas-metragens. Está previsto um investimento de R$ 170 mil, para realizadores paraibanos, com recursos próprios da UEPB, distribuídos para 10 projetos de curtas, sendo cada um no valor de R$ 15 mil e o restante, R$ 20 mil, destinado às despesas administrativas geradas por esse Edital. Participarão da coletiva de lançamento, a reitora da UEPB, professora Marlene Alves, além de representantes do Departamento de Comunicação (Decom), da Coordenadoria de Arte e Cultura da Instituição, estudantes, jornalistas, profissionais e amantes da sétima arte. A ocasião contará com um café da manhã.

 

O Edital visa promover, estimular e democratizar o acesso da população à produção de obras audiovisuais de curtas-metragens, contribuindo para o desenvolvimento do segmento audiovisual no Estado. Neste sentido, tal iniciativa também suprirá uma carência no âmbito local, já que os cineastas e realizadores de produções audiovisuais de toda a Paraíba não contam atualmente com projetos de financiamento nesta área. A ação reforça ainda a política de incentivo à cultura e à produção cinematográfica da UEPB, que realiza, desde a primeira edição, o Festival Audiovisual de Campina Grande – Comunicurtas – bem como o Curso de Formação de Atores para Vídeo e outras atividades com esse foco.

 

De acordo com o cineasta e coordenador do setor de audiovisual do Departamento de Comunicação da UEPB, André da Costa Pinto, um dos idealizadores do Comunicurtas, o Edital é um avanço na área cinematográfica da Paraíba. “Na prática não existe um edital de financiamento audiovisual no Estado há três anos e essa é uma excelente oportunidade para que todos possam participar, reafirmando, ainda, a preocupação da UEPB em investir em segmentos da Arte pouco desprovidos de estímulo”, afirmou. André acrescentou que uma das peculiaridades do Edital é a sua desburocratização, posto que para participar é necessário apenas o roteiro e o argumento de cada curta.

 

Poderão se inscrever, no período de 1º a 29 de fevereiro, realizadores paraibanos, ou residentes no Estado há pelo menos dois anos; maiores de 18 anos e que sejam produtores, diretores e/ou roteiristas da obra apresentada. Os vídeos devem ter até 20 minutos de duração e a temática abordada é livre. Os projetos podem ser inscritos no gênero documentário, ficção, animação, experimental ou musical.

 

Serão classificados 15 roteiros, sendo apenas os 10 primeiros colocados, contemplados com o recurso de R$ 15 mil cada, conforme o Edital. Os demais ficarão como suplentes na ordem de classificação. Os autores destes 15 projetos selecionados receberão oficinas de orientação para execução dos projetos.

 

As solicitações para credenciamento de imprensa ocorrem através do e-mail ascom@uepb.edu.br . Outras informações podem obtidas no DECOM pelo telefone (83) 3310-9744/9745.

Anúncios

Olá cineasta! Obrigado pelo comentário. Visite nosso grupo no Facebook. Volte sempre. abrs. Turma Abedista Potiguar.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 31/01/2012 por em Cinema.
%d blogueiros gostam disto: